Fórum de RPG sobrenatural.
 
InícioInício  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 02 de Outubro - Amanhecer

Ir em baixo 
AutorMensagem
James Khol

avatar

Mensagens : 13
Data de inscrição : 28/02/2017

MensagemAssunto: 02 de Outubro - Amanhecer   Sab Fev 03, 2018 9:08 pm





02 de Outubro
Amanhecer
Passeando com a gatinha!

James e Manu
Voltar ao Topo Ir em baixo
James Khol

avatar

Mensagens : 13
Data de inscrição : 28/02/2017

MensagemAssunto: Re: 02 de Outubro - Amanhecer   Sab Fev 03, 2018 9:09 pm



James Khol






Já fazia algumas semanas que James continuava cuidando da onça-pintada e agora levava ela para passear, mas não era por causa do pedido de Cameron, e sim porque ele ficava com pena do animal sempre enjaulado na cabana.

Ao chegar na cabana antes do amanhecer naquele domingo, ele saudou   -    Bom dia Manu!     - Ele sabia que a fera chamava Manu pois ouviu Cameron a chamar assim, porém o que ele desconhecia totalmente, por falta de perguntar sobre a origem do animal, era que na verdade Manue era uma shifter que não conseguia voltar para a forma humana. Ele acariciou a cabeça da fera   -   O que acha de passearmos um pouco?       - então , ele colocou a coleira reforçada com magia e pode leva-la para fora da cabana, como a maioria dos alunos ainda estavam dormindo, ele sabia que se ela tentasse fugir, ele conseguiria conte-la se alardes.

O dia estava clareando quando ele levou o animal pela propriedade do instituto, pode sentir ela se alongar após saírem da cabana e parecia ansiosa pelo passeio, ou talvez era apenas esperando a oportunidade para fugir. James então levou o animal para fora da área comum   - Vou te levar no meu lugar favorito aqui.        -

Depois de uns quinze minutos de caminhada dentro da floresta, o barulho de água ficava cada vez mais forte,  o sol estava quase nascendo quando eles chegaram na cachoeira na cachoeira das sombras. Logo que chegaram foi possivel ver os raios de sol iluminando queda da cachoeira.   - Eu vou te soltar da coleira...mas já aviso que se você fugir, vou me transformar e vou atrás de você. Sou mais rápido que você com certeza...e dai acaba o nosso passeio ok?         - ele falou pro animal enquanto o soltava, e quase riu alto com sua loucura, provavelmente Roxanne diria que ele estava completamente louco, o tiozinho dos gatos, ela já tinha falado isso algumas vezes quando ele comentou sobre levar a onça para passear.


Citação :
OBS: Sim, o James não faz ideia de que a MANU é uma Shifter. Ele acha que é apenas uma onça.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Manuela Albuquerque

avatar

Mensagens : 9
Data de inscrição : 04/02/2017

MensagemAssunto: Re: 02 de Outubro - Amanhecer   Sex Fev 16, 2018 6:18 pm

Retomando a forma humana



Tudo o que eu precisava era de força e calma para me concentrar e voltar para a minha forma normal. Porém toda a vez que eu tentava, minha onça rigia e impedia, e junto com ela vinha um enorme sentimento de proteção.
Eu sabia que estava correndo muito risco, pois minha alma humana não estava em harmonia com a onça, e acredito que só pelo fato do animal estar me protegendo da dor, é que eu não tinha virado feral ainda.
Em torno do último mês, enquanto minha onça tietava Scooby e passeava por aí com ele, (muitas vezes me fazendo revirar os olhos mentalmente) tive tempo para pensar, e entrar em acordo com a perda de meus pais.
Dói, muito, é quase insuportável, mas eu tinha chegado a luz, e me perder na escuridão, não era o que eles iriam querer para mim. Meus pais me criaram, para ser uma garota educada, corajosa e no controle, e deixar minha onça lidar com minha situação, foi a coisa mais covarde que eu fiz.
Assim, á alguns dias eu tinha tentado voltar para a forma, mas minha onça não permitia, pois acreditava que tinha que me proteger da dor.
O tempo que fiquei sem consciência, fez minha onça ganhar uma força incrível. E eu estava demorando a conseguir forças para voltar a mim.
Eu tinha aproveitado a inconsciência do animal enquanto ele dormia para tentar, voltar a forma, e só o fato do meu corpo dormir e minha mente humana se manter alerta, já me mostrou o quanto eu estava fora de harmonia com meu animal, ligando sinos de alerta na minha mente.
Estava quase, quase lá, quando a porta da cabana se abriu, e acordou a onça, que minou meus esforços de transformação. Maldito cachorrinho, ele tinha que atrapalhar.
Minha onça sempre muito obediente, se sentou aguardando o garoto, que cumprimentava o animal alegre e falava de um passeio. Outro passeio na coleira QUE LEGAL!
Revirei os olhos mentalmente (de novo, eu vinha fazendo isso muito), enquanto me perguntava porque raios o garoto estava de tão bom humor cedo.
Como se tivesse sido treinada, a onça deixou que ele colocasse a maldita coleira nela, e saímos para o passeio. Eu já conhecia alguns lugares aqui no instituto, por causa das caminhadas e como eu imaginei o lugar era enorme, mas foi quando o garoto disse que ia nos levar até seu lugar favorito, que minha curiosidade foi despertada.
Ouvi que nos aproximávamos de água corrente, e depois de alguns minutos de caminhada, vi a enorme e linda cachoeira. Eu tinha uma na fazenda, mas essa aqui me dava a sensação de que algo mágico estava acontecendo, e a água cantava tanto a mim quanto para a onça nos convidando a entrar.
James escreveu:
- Eu vou te soltar da coleira...mas já aviso que se você fugir, vou me transformar e vou atrás de você. Sou mais rápido que você com certeza...e dai acaba o nosso passeio ok?
Mais uma revirada de olhos mental, acompanhado de um grunhido da onça em desafio. Pela primeira vez em um mês eu e a onça concordamos em alguma coisa. Se quiséssemos fugir, Scooby na forma humana ou na de cachorrinho não pegaria nem nosso rastro.
Mas ao invés de correr para a liberdade como imaginei que faria, a onça correu direto para a água do lago, nadando direto para debaixo da queda da cachoeira.
No início fiquei frustrada, porque merda a água estava muito gelada a esta hora da manhã, mas assim que nossa cabeça ficou debaixo da queda, um calor envolveu meu corpo e um sentimento de paz se infiltrou no meu coração.
Eu podia ouvir o garoto chamando de longe, mas a água estava garantindo a onça que estava tudo bem, e que ela podia descansar. Ela ronronava, e estava calma e relaxada como não esteve em meses. Tão calma que quando dei por mim, senti meu corpo formigar, e vi quando os pelos sumiram, dando lugar a minha pele bronzeada, as garras recolheram e meus dedos finos, mas calejados do trabalho da fazenda, se mostraram e as patas traseiras fortes, se transformavam na minhas longas e fortes, que balançavam na água me fazendo flutuar.
O calor acabou, me fazendo sair rapidamente debaixo da queda gelada, e mesmo no reflexo turbulento da água eu percebi que Manuela a humana estava de volta, enquanto a onça dormia tranquilamente na minha mente.
Soltei um grito feliz para o céu!
- Sou eu… estou de volta! EU ESTOU DE VOLTA!
Estava tão feliz, que tinha até esquecido da minha babá, isso até ouvir um barulho vindo da beira da lagoa, e perceber que eu estava nua.
- Merda! - Olhei para o garoto que olhava chocado para mim, e tentei cobrir minhas partes, com as mãos.  - Ei! Scooby olhe para o outro lado!



Post: 005 xxx SIM ESTÁ NUA! xxx Falou com James (Scooby) xxx Citou os pais

SEM♥️ MAIS


Última edição por Manuela Albuquerque em Sex Jul 06, 2018 11:18 am, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
James Khol

avatar

Mensagens : 13
Data de inscrição : 28/02/2017

MensagemAssunto: Re: 02 de Outubro - Amanhecer   Qui Maio 17, 2018 1:48 pm



James Khol




Quando soltei a onça-pintada por alguns segundos achei que ela iria correr exatamente como eu a advertira a não fazer, pois aquele brilho no olhar era inteligente demais e rosnou em desafio, logo em se e correu diretamente para a agua gelada da cachoeira. Eu acho que era a  felicidade de estar em um ambiente que lembrasse seu habitat natural.

Ela estava submersa e não voltou após muitos minutos se passarem, eu chamei pela onça algumas vezes, mas nenhum sinal dela, estava já certo que ela tinha se afogado e que Cameron iria me matar por seu animal...até que percebi uma movimentação na agua.

Eu esperava pela onça, mas no instante seguinte foi uma garota que emergiu das aguas. UMA LINDA garota de pele bronzeada que brilhava com os raios de sol e cabelos negros molhados caindo em cascada na frente de seu corpo


Gata nua na cachoeira escreveu:
”- Sou eu… estou de volta! EU ESTOU DE VOLTA!”


Ouvi a voz dela em jubilo alheia a minha presença, eu a olhava com assombro e completamente entorpecido por sua presença, completamente enfeitiçado. Foi quando ela se virou que pareceu me notar.


Gata nua na cachoeira escreveu:
”Ei! Scooby olhe para o outro lado!”


Eu me virei rapidamente dando as costas para ela, afinal agora que meu cérebro se tocava que ela estava completamente nua com os cabelos estavam caindo sobre o seio. – Quem é você? O que...o que aconteceu? - perguntei ainda de costas, me perguntando se ela era um espirito da água e se ela tinha feito algo com a onça-pintada.


Citação :
OBS: Sim, o James não faz ideia de que a MANU é uma Shifter. Ele acha que é apenas uma onça.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Manuela Albuquerque

avatar

Mensagens : 9
Data de inscrição : 04/02/2017

MensagemAssunto: Re: 02 de Outubro - Amanhecer   Sex Jul 06, 2018 11:22 am

Por favor, não fique louco!



Eu amava o mundo sobrenatural, porque tudo era tão mágico e irreal, que você nunca sabe o que vai acontecer.
E é por essa magia que minha fera, está agora bem adormecida tranquila dentro de mim. Eu posso senti-la cansada mais feliz junto a minha alma, e minha onça estar descansando me deixa feliz.
A dor, a minha dor, ainda está lá. Eu posso sentir, ainda a ferida crua que a morte dos meus pais deixou em mim, mas aqui, neste lugar mágico, toda vez que a dor ameaça me consumir, enxurrada de lembranças felizes dos tempos com meus velhos inundam minha mente, assim como a certeza que vem de algum lugar, me avisando que eles estão bem e orgulhosos de mim.
Isso é maravilhoso. Agora estou de volta a minha forma humana mais uma vez, me sentindo em casa e segura, pela primeira vez na minha vida, e isso tudo o que importa, isso e o meu estado nua olhando para o garoto que andou comigo por aí e uma coleira como se eu fosse um animal de estimação.
Assim que percebi toda a situação, me virei para ele rosnando para ele se virar, e mesmo que ele tivesse feito isso apressadamente, pude ver o olhar confuso no olhar dele.
James escreveu:
– Quem é você? O que...o que aconteceu?
Aí me dei conta que o lobo ainda achava que a onça era um animal de estimação do outro lobo, e que ele devia estar se perguntando de onde eu surgi, e onde está a onça do seu chefe. Eu queria rir alto, e zombar dele, mas eu estava tão calma e purificada por essas águas que eu não tinha isso em mim no momento, assim nadei até a beira do pequeno riacho e escalei a borda até que eu estava atrás dele. Foi quando percebi quão fria a manhã estava. Merda.
- Não se vire. Eu sei que você deve estar pirando agora. - Falei com calma e com meu sotaque acentuado. - Vou pegar seu casaco para poder me cobrir, e te explico… Você não vai desmaiar né?
Com delicadeza e ainda testando meus membros, levantei minhas mãos e passei por seu ombro o ajudando a tirar o casaco de seus ombros fortes, a assim que fiz, o vesti rapidamente, já me aquecendo no calor delicioso deixado por ele, e mesmo na forma humana amando seu cheiro amadeirado.
- Você pode se virar agora.
Assim que ele fez pude pela primeira vez na minha forma humana, observar seu rosto. Seu cabelo comprido, estava penteado para trás, com as pontas roçando seu pescoço, e seus olhos escuros lindos e hipnotizantes, me observavam com cuidado e confusão.
Levantei meu braço e toquei o seu calmamente, tentando mostrar que estava tudo bem.
- Desculpe por ter gritado, está tudo bem eu juro… Sou eu a Manu a onça…



Post: 006 xxx SIM ESTÁ NUA! xxx Falou com James (Scooby) xxx Citou os pais

SEM♥️ MAIS
Voltar ao Topo Ir em baixo
James Khol

avatar

Mensagens : 13
Data de inscrição : 28/02/2017

MensagemAssunto: Re: 02 de Outubro - Amanhecer   Seg Jul 09, 2018 9:46 am



James Khol







Eu só poderia estar vivendo um irreal episódio de Além da Imaginação. A minha frente estava uma garota nua que não sabia de onde tinha surgido, eu me virei assim que me dei conta de sua nudez, afinal ainda sou um rapaz que recebeu uma boa educação. Ela gritou e mandou eu me virar, disse que ia pegar meu casaco e perguntou se eu ia desmaiar, apenas balancei a cabeça negativamente enquanto retirava meu casaco e entregava para ela sem me virar.

Quando a garota com forte sotaque disse que eu podia me virar, eu pude finalmente olhar para ela direito, cabelos castanhos escuros e olhos claros em tons que era difícil saber se era verde ou azul, baixa e magra proporcionalmente. Eu abri a boca para perguntar quem ela era, mas antes de qualquer som saber da minha boca ela disse que era a Manu...a onça.

Provavelmente meus olhos se inflaram de surpresa e incredulidade com aquela revelação, não era possível!!!

-      A onça?...como?    - minha mente tentava encaixar a informação, mas faltava lacunas para preencher – mas...se você é uma shifter, porque estava enjaulada?         -





Voltar ao Topo Ir em baixo
Manuela Albuquerque

avatar

Mensagens : 9
Data de inscrição : 04/02/2017

MensagemAssunto: Re: 02 de Outubro - Amanhecer   Dom Jul 29, 2018 12:41 pm

Lutando com a fera.



Maravilhoso, Scooby não parecia que ia desmaiar, então menos mau, mas ele ainda parecia bastante confuso.
Ele também não ia sair correndo gritando a plenos pulmões, indo acabar num hospício, porque afinal, ele era um totó, e para ele essas coisas eram mais ou menos normal. Se fosse um humano a história seria totalmente diferente neste momento.
Quando expliquei que era Manu a onça, ele arregalou os olhos em surpresa, e me lembrou daquelas cenas em desenhos animados quando os olhos dos personagens, saltam para fora do rosto. Estava quase colocando as mãos esticadas para segurar os dele se resolvessem sair, mas fui cortada com ele me perguntando como, e se eu era um shifter porque estava enjaulada.
Era algo difícil de explicar, de falar sobre o assunto, e tive que esfregar a mão sobre o peito, onde angústia se espalhou.
Limpei a garganta e afastei as lágrimas que queria sair, desviando o olhar, antes de conseguir falar qualquer coisa.
- Eu… Meus pais foram mortos, por caçadores… eu estava com muita dor, então minha onça tomou o controle, e minha mente adormeceu. Só fiquei consciente de que estava presa na forma de onça quando cheguei aqui, e mesmo assim, ela não permitia que eu me transformasse de volta… não até chegar nessas águas mágicas…
Pude sentir a onça acordando, e urrando em resposta a dor de tocar no assunto. Ela queria o controle de novo, e estava tomando tudo de mim para mostrar a ela que eu ficaria bem.
Forcei os olhos fechados enquanto lutava contra a transformação e por um momento, pensei em pular na água de novo.
- Droga ela quer o controle de novo… Acho que só não fiquei feral, porque era a intenção da onça me proteger. Mas não sei quanto suporto.
Agarrei os braços do garoto com força e sem querer, buscando um ponto de apoio, uma âncora para me manter firme, mas quando abri os olhos e vi seu rosto, o mundo era preto e branco de novo sinalizando que meus olhos já tinham mudado.
- Me ajude…



Post: 006 xxx SIM ESTÁ NUA! xxx Falou com James (Scooby) xxx Citou os pais

SEM♥️ MAIS
Voltar ao Topo Ir em baixo
James Khol

avatar

Mensagens : 13
Data de inscrição : 28/02/2017

MensagemAssunto: Re: 02 de Outubro - Amanhecer   Seg Jul 30, 2018 4:49 pm



James Khol








Dizer que fui pego de surpresa era pouco, eu estava completamente em choque quando descobri que a onça na verdade uma garota, sendo assim uma Shifter. O que me fez fazer uma pergunta obvia, porque ela estava enjaulada? E se ela fosse uma criminosa ou uma feral que Cameron estava mantendo em cativeiro? Tá que pela logica ele seria muito idiota em fazer isso em uma “escola”.

Pouco depois da minha pergunta percebi a expressão de dor da garota perante minha pergunta, mas ela não se esquivou e respondeu. Conforme ela respondia eu me senti um idiota por fazê-la reabrir uma ferida, mas eu não fazia ideia.  Quando eu ia dizer que ela não precisava explicar mais nada, eu vi os olhos dela se transformar e ela então se agarrou em meus braços e pediu ajuda informando que a onça queria o controle novamente.

Eu segurei os antebraços dela, sendo assim um estava segurando o outro e fitei aqueles olhos transformados.

-  Está tudo bem Manu...está tudo bem.      - Eu falei sem saber se me dirigia a menina ou a onça, ou a ambas, mas falei com calma porém firmeza na voz e completei -  Você está bem, seus pais estão em paz do outro lado e estão velando por você.     - falei tendo certeza que era isso que pais amorosos fazem,  era o que a minha fazia em seus dias bons quando ela não se esquecia quem eu era ou me confundia com seu agressor. – Você está segura, eu prometo.       - olhei aqueles olhos amarelos e completei para a onça torcendo para que ela me ouvisse e deixasse a garota em sua forma natural -    Eu prometo, vai ficar tudo bem.   - Eu tinha cuidado da onça e porque não cuidaria da garota? Ela certamente estava tão perdida ali que eu poderia cuidar dela e ajuda-la a se enturmar.





Voltar ao Topo Ir em baixo
Manuela Albuquerque

avatar

Mensagens : 9
Data de inscrição : 04/02/2017

MensagemAssunto: Re: 02 de Outubro - Amanhecer   Dom Out 14, 2018 12:11 pm

Lutando com a fera.




Minha vida vinha sendo uma montanha russa de emoções desde a morte dos meus pais, então não foi surpresa para mim que logo depois de alguns minutos somente, andando com duas pernas, a merda batesse no ventilador e a alma da minha onça quisesse assumir outra vez.
Ótimo, só ótimo.
Lutei com unhas e dentes para assumir o controle, mas podemos dizer que estava em desvantagem depois de tanto tempo fora de mim.
Sem ao menos registrar o que estava fazendo, cravei as unhas no braço do lobisomem, e pedi ajuda. Quem diria que um dia isso acontecer, situações desesperadas mas medidas desesperadas.
O garoto deve ter sentido meu desespero porque sem ao menos pestanejar agarrou meus antebraços para me firmar, e começou a falar palavras calmantes para mim.
Como num passe de magica a onça patife se acalmou, quase como se o cara na minha frente fosse a porcaria de um encantador de feras.
Respirei fundo e pisquei algumas vezes, olhando para o garoto e vendo cores novamente.
Toda a luta sugou toda a energia ganhada da cachoeira imediatamente, assim perdi as forças nas pernas e soltei os braços do garoto me apoiei nele, que me segurou em seu peito imediatamente.
Respirei fundo tentando manter meus olhos abertos.
- Obrigada Totó... - falei, nem mesmo percebendo do que eu o estava chamando.- Cansada... tão cansada...
Foi a ultima coisa que eu disse antes de tudo ficar escuro.




Post: 007 xxx SIM ESTÁ NUA! xxx Falou com James (Scooby) xxx Citou os pais

SEM♥️ MAIS
[/color][/color]
Voltar ao Topo Ir em baixo
James Khol

avatar

Mensagens : 13
Data de inscrição : 28/02/2017

MensagemAssunto: Re: 02 de Outubro - Amanhecer   Dom Out 14, 2018 2:15 pm



James Khol






Quando os olhos da garota voltaram ao normal, percebi que seu animal interior tinha ficado adormecido e a humana estava no controle, ela então se esmoreceu em meus braços e agradeceu me chamando de totó (oi?), Porém não tive tempo de registrar o estranho apelido foi ela desfaleceu sem forças em meu braço,  eu a segurei firme pela cintura e a peguei no colo. Sabia que ela não tinha desmaiado, apenas estava tão exausta que não conseguia ficar acordada, eu sabia como era lidar com nossas feras interiores -     Descanse Manu     - falei em um sussurro enquanto levava no colo a garota vestindo apenas meu casaco para a cabana de Cameron.

Quando cheguei na cabana de Cameron, eu a levei para a cama de solteiro que tinha no quarto extra da cabana e a cobri com um lençol, fiquei ali vigiando seu sono até que ouvi o barulho de Cameron chegando a cabana.

Na próxima hora eu fiquei discutindo com Cameron sobre o fato dele não ter me dito que a Manu era uma shifter e não apenas uma onça, ele ficou feliz quando eu disse que a garota tinha surgido após a onça ter se banhado nas aguas da cachoeira e disse que tinha achado melhor que eu descobrisse sozinho, ou não, pois tinha chances da garota ter perdido a humanidade e ser uma onça para sempre. Eu discuti com ele e disse pra ele ir pros aposentos dele, eu ficaria na cabana aquela noite pois ela poderia acordar confusa ainda. Eu sabia que a garota não acordaria tão cedo, mas mesmo assim eu fiquei por ali e acabei adormecendo na poltrona próximo a cama dela.




Voltar ao Topo Ir em baixo
Destino
Admin
avatar

Mensagens : 97
Data de inscrição : 04/09/2016

MensagemAssunto: Re: 02 de Outubro - Amanhecer   Dom Out 14, 2018 4:49 pm





xxx Ação Finalizada xxx
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.filhosdodestino.com
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: 02 de Outubro - Amanhecer   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
02 de Outubro - Amanhecer
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Magazine Top Gang / Outubro 2014
» COMO CONVERTER UM S925 HD MINI EM TOCOMSAT DUO HD MINI
» [Evento Especial] Sign do Mês - Setembro/Outubro - Regras
» POSSIVEIS NOVOS CANAIS CLARO TV OUTUBRO
» TWS Outubro Rosa 01/10 ~ 31/10

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Sons Of Destiny :: Cachoeira Shadow Fall-
Ir para: